O avanço do coronavírus já deixa marcas na economia brasileira e com isso bancos e consultorias já começam a prever novo cenário de recessão para este ano, situação que não acontece no Brasil desde 2016. O Banco Mundial já prevê uma queda de 5% do Produto Interno Bruto (PIB) do País, seguindo o mesmo ritmo da economia da América Latina, que deve ter uma retração de 4,6% em decorrência dos impactos da Covid-19. Um estudo divulgado neste mês de abril pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas (FGV Ibre) estima que 5 milhões de pessoas podem entrar na fila do desemprego em apenas três meses, elevando de 12,3 milhões para 17 milhões de desempregados no Brasil.

Os profissionais liberais e autônomos também entram na lista dos afetados pelos impactos da pandemia. Para superar esse cenário, algumas empresas têm apostado em iniciativas para a geração e complementação de renda extra durante esse período de crise, como a plataforma de permutas multilaterais X por Y, que desenvolveu o Programa Empreendedor XporY, de participação totalmente gratuita e que estimula o ganho por meio da economia colaborativa, sem a necessidade de sair de casa.

De acordo com o especialista em empreendedorismo, inovação e fundador da X por Y, Rafael Barbosa, a chegada do coronavírus ao Brasil trouxe um cenário de redução de renda, acúmulo de contas e incertezas que atingiram praticamente toda população brasileira. “Muitos empregos considerados seguros sofreram impactos e alguns nem existem mais. Pensando nisso, apresentamos o programa que permite o trabalho home office e não exige investimentos iniciais ou infraestrutura empresarial. A construção da renda se dá apenas com indicações de clientes para a plataforma através de um cadastro gratuito”, destaca o empresário.

Barbosa destaca que o programa pode ser uma boa alternativa para quem já apresenta uma boa rede de relacionamentos no ambiente empresarial e para quem não pode abrir seu estabelecimento por conta da Covid-19 e necessita trabalhar em casa. “Quem costuma fazer uso de redes sociais e de demais estratégias de marketing digital pode usá-las para expandir sua rede de indicados para a X por Y, beneficiando as pessoas que podem ser de qualquer lugar do Brasil e gerando renda passiva a longo prazo para si”, ressalta.

Para estimular o empreendedorismo

O programa Empreendedor XporY, que consiste na indicação de outros empresários para o sistema, é aberto para a participação de qualquer profissional, bastando apenas a efetivação de um cadastro gratuito pelo site www.xpory.com/sejaempreendedor . Ao indicar de forma direta novos participantes para a plataforma, o profissional acaba recebendo um percentual de tudo o que seus indicados transacionarem em compras durante cinco anos. O comissionamento é feito em reais, dentro da plataforma, e o indicador poderá utilizar para abater o pagamento de suas comissões na plataforma e sacar como renda extra.

O programa é indicado para empreendedores de todo o País que vão apresentar a oportunidade de participar gratuitamente da plataforma para empresários e profissionais liberais de qualquer lugar do país, os quais estão em busca de soluções digitais e aliviam o impacto financeiro do cenário atual, como as que a XporY.com oferece. Segundo Rafael Barbosa, a iniciativa tem como objetivo movimentar a economia por meio das permutas multilaterais, sistema que permite a troca de produtos e serviços entre empresas de variados portes e profissionais liberais em uma plataforma de digital. Tudo é negociado na moeda digital X$, que é equivalente ao Real. “O associado anuncia e precifica em X$ todos os serviços ou produtos que pretende comercializar, na mesma proporção que os vende em reais; e, quando alguém adquire algo que ele oferece, o vendedor acumula X$ em sua conta na plataforma, os quais podem ser utilizados para comprar quaisquer outros serviços e produtos disponíveis na plataforma”, explica Rafael.

O ASSOCIADO ANUNCIA E PRECIFICA EM X$ TODOS OS SERVIÇOS OU PRODUTOS QUE PRETENDE COMERCIALIZAR, NA MESMA PROPORÇÃO QUE OS VENDE EM REAIS; E, QUANDO ALGUÉM ADQUIRE ALGO QUE ELE OFERECE, O VENDEDOR ACUMULA X$ EM SUA CONTA NA PLATAFORMA, OS QUAIS PODEM SER UTILIZADOS PARA COMPRAR QUAISQUER OUTROS SERVIÇOS E PRODUTOS DISPONÍVEIS NA PLATAFORMA

Sobre a XporY.com

Com mais de 8 mil associados, a X por Y é uma scale up criada em 2014 com o objetivo de promover a economia colaborativa, mostrando uma outra alternativa para profissionais e empresas gerarem valor a seus serviços e produtos. A plataforma de permuta surgiu graças ao incentivo do programa Tecnova da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg) e a Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em âmbito federal.