Banco de Escambo: XporY.com disponibiliza Videoaulas para melhor performance no uso da plataforma

O carrinho de bebê que você já não usa porque seus filhos cresceram, aquele terno que há muito está esquecido no guarda-roupa ou o ingresso para aquele show que você não vai poder aproveitar porque estará de plantão, pode ter certeza, se não serve mais para você para alguém certamente servirá. Essa cultura do desapego ficou ainda mais evidente com a Internet. Para se ter ideia, um dos maiores e mais antigos portais de classificados onlines do Brasil, movimentou só no ano de 2015 cerca de R$ 70 bilhões em transações de compra e venda de produtos usados.

“Ao contrário de outros países, o Brasil ainda não explora todo o potencial de compra e venda de produtos usados. Este processo de amadurecimento depende da superação de alguns preconceitos, como a ideia de que a pessoa só vende seus bens quando está precisando com urgência de algum dinheiro. O fato da venda acontecer diretamente entre os consumidores é outro obstáculo, pois os usuários precisam vencer a desconfiança que está atrelada à negociação com um desconhecido”, explica o empresário Rafael Barbosa fundador da plataforma X por Y, plataforma virtual de permutas multilaterais.

Bens que não usufruímos mas podem, não só ser comercializados, como também trocados por outros produtos ou serviços, como ocorre na XporY.com. Dentro do conceito de economia compartilhada, a empresa traz uma alternativa para que profissionais e empresas gerem valor a seus produtos e serviços, além conquistar consumidores. Outro diferencial é que na plataforma tudo pode ser negociado sem uso de dinheiro, usando-se somente o X$, moeda virtual adotada XporY.com.

Segundo Ana Amélia, o conteúdo em vídeo é voltado para todos os cerca de 5.300 inscritos da plataforma, mas em especial para os recém-cadastrados e aos novos que virão. Todos os itens deste conteúdo estão disponíveis no termo de adesão aceito no cadastro de cada novo cliente, mas para esclarecê-los de uma forma mais didática, todo novo inscrito era convidado para ir à sede da empresa a fim de participar de uma apresentação presencial e receber essas orientações sobre a plataforma. Porém, com o crescimento de cadastros diários e com a indisponibilidade de muitos usuários de ir ao escritório da X por Y, as videoaulas foram a forma encontrada pela equipe da X por Y, para levar esses esclarecimentos de maneira prática.

“Essas informações são indispensáveis para que o usuário tenha uma boa performance de uso da plataforma e consiga aproveitar todos os benefícios que o sistema oferece”, destaca.

Apesar da novidade com as videoaulas, segundo Ana Amélia, as orientações prestadas de forma presencial estão mantidas. Para facilitar ainda mais, a gerente comercial informa que em breve serão disponibilizados no bando de escambo da XporY.com tutoriais das telas do site para auxiliar os inscritos a usarem da melhor maneira possível as ferramentas oferecidas pela plataforma.